Manaus,
×
Manaus,

Tecnologia & Comportamento

O fenômeno “Juliette” e seu impacto nas redes sociais

Gostando ou não da “BBB”, você já deve ter ouvido bastante o nome dela nos últimos tempos. E, pode se preparar: deve vir muito mais!


Para início de conversa, este colunista que vos escreve é “cacto” da Juliette, sim, e esse texto pode conter uma certa parcialidade, ok?

(Foto: Reprodução/Globoplay)

Dito isto, vamos ao que está em pauta: você já percebeu que só se fala em duas coisas no Brasil? Coronavírus e Juliette. A paraibana de 31 anos já é a participante do reality show Big Brother Brasil (Rede Globo) mais falada e que mais ganhou novos seguidores nas redes sociais, em quase 20 anos de edições do programa. E olha que o programa ainda nem terminou! – falta pouco mais de 1 mês. Desde a estreia do reality, ela já dava sinais de sucesso, conquistando uma taxa de 2.736% de crescimento no Instagram, segundo levantamento realizado pela Spark (fonte e matéria completa no fim do texto).

Esta semana, Juliette atingiu a marca de 16 + 1 milhões de seguidores no Instagram (o time dela anunciou assim nas redes, provavelmente para não citar AQUELE número maldito – e eu amei!) e é bem possível que nas próximas horas, ela bata 18 milhões de seguidores, ficando bem próximo de desbancar a Viih Tube (18,4 milhões de seguidores). Sem contar que uma de suas fotos recebeu milhões de curtidas em 6 minutos, batendo um recorde mundial, que antes era de uma cantora internacional. Enquanto você lê este texto, a Juliette acumula cerca de 380 novos seguidores por minuto e a gente se questiona a que se deve tanto sucesso?

Seguidores respondem sobre o que aprovam na Juliete, participante do BBB (Foto: Reprodução/Instagram)

Em rápida enquete nos meus stories (@joaoarturvieira), perguntei de amigos e seguidores o que mais eles gostam na paraibana e a resposta foi quase unânime: ela é autêntica e verdadeira. E eu não duvido que seja essa a fórmula do sucesso dessa mulher. Em um mundo cheio de filtros, nos aparece uma figura de sotaque gostoso – amo como ela fala ˜doidha˜, tagarela que chega a irritar até quem assiste ao pay-per-view, mas com palavras cheias de verdade e acolhimento. Em um momento de tanta polaridade, Juliette é do tipo que pacifica e agrega, que leva porrada, mas perdoa, que bate, mas sabe pedir desculpas. Com esse “jeitinho”, ela segue conquistando os brasileiros e está com a vitória nas mãos. Só uma grande reviravolta tira o 1 milhão e meio da Juliette, e mesmo se tirar, ela deve faturar o dobro aqui fora.

Pelos meus cálculos, com base na experiência em contratações de influenciadores digitais e celebridades, a ex-maquiadora e advogada deve faturar em no máximo 3 meses, o equivalente ao valor do prêmio do reality show. E eu digo “ex” porque vai chover de propostas de ações publicitárias, que ela nem vai ter como seguir com sua antiga atividade. O mercado de marketing de influência anda super aquecido e as marcas já devem estar só à espera da saída da “sister” para estampa-las em suas campanhas. Se estando confinada lá na casa do BBB ela já impulsiona vendas, imagine aqui fora! Foi o caso de Lacta (fonte no fim do texto) que teve a venda esgotada de um de seus ovos de páscoa, só porque a Juliette disse que “tava de olho”.

Uma coisa é certa: temos uma nova milionária no Brasil e o melhor de tudo é que é uma mulher nordestina, arretada e que já mostrou que veio para ficar!

*Cacto é o apelido dado aos fãs da Juliette, nas redes sociais.

Para continuar a leitura:

Desde a estreia, Juliette foi a participante que mais ganhou seguidores no BBB 21  

Juliette bate recorde mundial e ultrapassa Billie Eilish no Instagram 

Após menção de Juliette, Lacta vende todo o estoque de Ovo de Páscoa Oréo

 

Você também pode gostar...

Os comentários são de inteira responsabilidade do autor e não expressam a opinião do Portal Mazé Mourão. Você pode ser denunciado caso comente algo racista, injúria ou conteúdo difamatório.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

cinco × 3 =