Manaus,
×
Manaus,

Cinema

Projeto “Cabé – Cinema a Céu Aberto” abre edital de seleção de obras audiovisuais da Amazônia Legal

As inscrições podem ser feitas até o dia 16 de junho. Os trabalhos selecionados receberão uma ajuda de custo no valor de até R$8 mil


O projeto “Cabé – Cinema a Céu Aberto – Cabé” está com as inscrições abertas para selecionar obras audiovisuais dos estados da Amazônia Legal para exibição em Manaus. Os artistas interessados têm até o dia 16 de junho para realizar a inscrição por meio do link: tinyurl.com/yw4553zm. Os trabalhos selecionados receberão uma ajuda de custo no valor de até R$ 8 mi.

images-84

Imagem ilustrativa (Foto: Reprodução Internet)

Após passarem por análise, as propostas contempladas serão divulgadas no perfil @cabe_cinema, no Instagram, e contactadas por email a partir de 30 de junho de 2024.

Serão selecionadas obras, como curtas, médias ou longas-metragens, estreantes ou não, vídeos (dança, performance, fotos, videoclipes, etc), animações, entre outras propostas oriundas de artistas dos estados do Acre, Amapá, Amazonas, Mato Grosso, Pará, Rondônia, Roraima, Tocantins e todo estado do Maranhão.

O projeto busca transformar territórios urbanos em cinema ao livre e, também, dar espaço a trabalhos independentes, inclusive criados durante o período de distanciamento social causado em decorrência da Covid-19 e ainda que promovam debates e reflexões sobre o tema que exploram.

O idealizador do projeto, Alexandre de Sena, explica que realizar o projeto consiste em vivenciar o cinema de formas mais amplificadas possíveis. “Nós reconhecemos todas as iniciativas que produzem a arte. O nosso propósito pretende também, alcançar outros bairros e realizar exibições audiovisuais fora das salas convencionais de cinema, além de valorizar o encontro dos espectadores”, pontuou Alexandre.

Exibição

As obras selecionadas serão exibidas entre os dias 01 e 11 de agosto de 2024, todas terão tradução português/libras. A ideia é alcançar pelo menos 400 pessoas, residentes ou não, nos bairros escolhidos para exibição, que deve durar 2h cada.

Alexandre de Sena, explica que os filmes selecionados para primeira edição do do Cabé – Cinema a Céu Aberto, serão exibidos em três locais diferentes de Manaus, configurando-se numa instalação urbana composta por vários artistas, entre amadores e profissionais do audiovisual, de diversos estilos em contato imediato com o público manauara.

“A gente tenta pensar numa espécie de democratização do acesso à linguagem, não somente pelos espectadores, mas também por quem produz. Quem pode se inscrever são artistas profissionais e também não profissionais, amadores que veem na produção de vídeos, na produção de audiovisual, uma forma de compartilhar nesta linguagem seus pensamentos, seus sentimentos”, destaca Alexandre.

O projeto “Cinema a Céu Aberto” foi contemplado pela Lei Complementar N.º 195/2022 – Lei Paulo Gustavo.

Você também pode gostar...

Os comentários são de inteira responsabilidade do autor e não expressam a opinião do Portal Mazé Mourão. Você pode ser denunciado caso comente algo racista, injúria ou conteúdo difamatório.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

treze − 12 =