Manaus,
×
Manaus,

Empreender

Empresa de dermocosméticos com DNA amazonense destaca-se no e-commerce

Com bossa de marca francesa, a empresa L’Amazonie usa ativos amazônicos e vem conquistando espaço num mercado em franca expansão


Com apenas três produtos veganos feitos com ativos amazônicos derivados da Copaíba, Andiroba e do Buriti, a marca L’Amazonie está conquistando um dos nichos mais concorridos e promissores da atualidade: o e-commerce de dermocosméticos. A empresa criada pelo casal de amazonenses, Pedro Paulo Abrahão do Carmo e Haniele Andrade França projeta faturar em 2023, R$4 milhões.

Os números mostram que o e-commerce no Brasil tem crescido exponencialmente. Dados do Observatório de Comércio Eletrônico, que integra a pasta do Ministério do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços apontaram um crescimento de 20%  no ano passado. O Amazonas surfou a onda de comércio digital e movimentou R$640,03 milhões no mesmo período, conforme o Ministério do Desenvolvimento Indústria e Comércio,  valor é quase três vezes maior do que o registrado em 2021.

Assim, a L’Amazonie juntou dois nichos que passam incólume  à crise econômica : O mercado da beleza e as vendas on-line.

Você também pode gostar...

Os comentários são de inteira responsabilidade do autor e não expressam a opinião do Portal Mazé Mourão. Você pode ser denunciado caso comente algo racista, injúria ou conteúdo difamatório.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

quatro × 5 =