Manaus,
×
Manaus,

Cultura

Liceu de Artes e Ofícios Claudio Santoro promove curso de teatro, coral e dança para o público 50+

Espetáculos e atividades proporcionam a inclusão e a socialização entre os participantes da escola de artes mantida pelo Governo do Amazonas


O Liceu de Artes e Ofícios Claudio Santoro segue com as inscrições abertas para o curso de teatro destinado às pessoas com idade acima de 50 anos. A escola de artes do Governo do Amazonas é administrada pela Secretaria de Cultura e Economia Criativa. As inscrições são gratuitas e as aulas acontecem nas unidades do Liceu dos centros de convivência, mantidos pelo Estado.

cultura_aula-de-teatro-50-liceu_3_marcely-gomes

Foto: Marcely Gomes/Secretaria de Cultura e Economia Criativa

Na unidade do Centro Estadual de Convivência do Idoso (CECI) Aparecida, a aluna Ruth Carvalho ingressou no curso de teatro da instituição em 2014 e, até o momento, aposta também na dança e no coral.

“O teatro é vida, é alegria, é emoção, é espetáculo, fazer teatro para mim é a renovação da minha vida, é a esperança do amanhã, amanhecer sorrindo, porque o espetáculo nos faz crer que Deus está aqui para a gente”, disse Ruth. “Somos da terceira idade, e cada dia que saímos daqui, já esperando o amanhecer para voltar, nas terças e quintas, então eu estou muito feliz, temos uma professora grandemente dedicada à essa turma”, enfatizou.

De acordo com a professora da unidade, Erismar Fernandes, trabalhar com alunos na faixa etária dos 50+ é uma troca de conhecimento, traz aprendizado e conquista, porque muitos tinham o sonho de ser artistas quando jovens, mas não tiveram oportunidades.

“Muitos deles se descobrem. A gente tem casos de alunos que estavam doentes, com depressão. Temos casos de alunos entregues ao vício e conseguiram se libertar através da arte. Como eles mesmo falam, ‘a arte salvou!’. Então, trabalhar com essa faixa etária é incrível porque a gente consegue essas conquistas também”, disse a professora, também atriz.

As turmas atendem ao público com idade mínima de cinquenta anos e não existe limitação para acima dos cinquenta. Segundo a professora, conforme o convívio nos ensaios e atividades, os alunos vão se soltando e se libertando de todo tipo de preconceito, desde fazer uso de maquiagem até vestir figurinos, o que ajuda na inclusão e socialização entre eles.

João Bosco Ramos também é um dos alunos, sendo o primeiro homem a ingressar no curso. A partir dessa iniciativa, ele passou a fazer parte da turma do coral e da dança, totalizando 16 anos de atividade artística.

“Ano passado fui o pajé do Garantido e do Caprichoso, da Terceira Idade. Já fiz vários cursos, tenho mais de 35 cursos com diplomas do Centro do Idoso. No ano passado fui o Mister daqui (centro de convivência), ganhei como a melhor fantasia e também fui escolhido para fazer as peças no Teatro Amazonas, então eu amo essa vida que eu levo de artista”, revela João, que chegou à aposentadoria em plena atividade.

Vagas em aberto

Ainda restam vagas para os cursos de Teatro+50 e Coral+50 nos Centros Estaduais de Convivência da Família Padre Pedro Vignola, Magdalena Arce Daou e no Centro Estadual de Convivência do Idoso (CECI Aparecida). A inscrição pode ser feita na própria unidade, de segunda a sexta, das 8h às 17h, para efetuar a inscrição são necessárias cópias do CPF, RG e comprovante de residência.

A coordenadora do projeto, Fabiana Almeida, destaca que a instituição integra o total de 420 alunos que compõem diversas atividades no Liceu de Artes e Ofícios Claudio Santoro, e as atividades são realizadas nas terças e quintas-feiras, das 8h às 11h.

Unidades com vagas disponíveis

Unidade Padre Pedro Vignola

Rua Tupinambá, nº 119, Cidade Nova 2

[email protected]

 

Unidade Magdalena Arce Daou

Avenida Brasil, s/nº, Santo Antônio

[email protected]

 

Unidade Centro de Convivência do Idoso – CECI

Rua Wilkens de Matos, s/n°, Aparecida

[email protected]

Você também pode gostar...

Os comentários são de inteira responsabilidade do autor e não expressam a opinião do Portal Mazé Mourão. Você pode ser denunciado caso comente algo racista, injúria ou conteúdo difamatório.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

cinco × dois =