Manaus,
×
Manaus,

Cultura

Confira a programação da 3ª Conferência Estadual de Cultura

Os mais de dez profissionais foram criteriosamente selecionados e abordarão assuntos relevantes sobre cultura e sociedade


A 3ª Conferência Estadual de Cultura acontece nos dias 21, 22 e 23 de janeiro, no Centro de Convenções Vasco Vasques, Avenida Constantino Nery, 5001, bairro Flores, zona centro-sul de Manaus. O evento será mediado por seis eixos temáticos, cada um com seus respectivos palestrantes e mediadores, para debater pautas culturais e sociais.

img-20240116-wa0009

Secretaria de Cultura e Economia Criativa (Marcely Gomes) e Amazonastur (Divulgação)

O 1º eixo, “Institucionalização, Marcos Legais e Sistema Nacional de Cultura”, tem como palestrante o antropólogo Mauro Dourado, que atua no Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), e é membro no Núcleo de Estudos de Cultura Popular, Patrimônio Cultural e Cidades da Universidade Federal do Amazonas (Ufam). A cientista social Rila Arruda assume a mediação do debate.

img-20240116-wa0007

Secretaria de Cultura e Economia Criativa (Marcely Gomes) e Amazonastur (Divulgação)

Já no 2º eixo, “Democratização do Acesso à Cultura e Participação Social”, Itaasu Melo fica à frente do debate. O profissional multifacetado no segmento cultural destaca-se em engenharia de som e produção musical, além do mestrado em Sociedade e Cultura Amazônica pela Ufam. Como mediadora, o debate traz a professora Ivânia Vieira, que atua na Ufam.

O 3º eixo, que tem como tema “Identidade, Patrimônio e Memória”, traz como palestrante o ativista e escrevinhador digital Juarez Silva. O mestre em História pela Ufam repercute nos movimentos de negritude e é estudioso das relações raciais e cultura afro-brasileira, movimentos sociais e direitos humanos. A mediadora do eixo é Francy Júnior, historiadora, atriz, produtora cultural e ativista dos direitos humanos.

No eixo número 4, “Diversidade Cultural e Transversalidades de Gênero, Raça e Acessibilidade na Política Cultural”, Taciano Soares é quem toma a frente do debate. O palestrante é artista de cena, diretor, autor, produtor e gestor cultural. Ele atua como professor do curso de Teatro da Universidade do Estado do Amazonas (UEA). Como mediador do eixo, João Fernandes, professor universitário, criador e diretor do Centro Cultural Casarão de Ideias.

Para o 5º eixo, “Economia Criativa, Trabalho, Renda e Sustentabilidade”, o palestrante será Beto Contartesi, fundador e gestor da OSC Valendo – Economia Criativa da Amazônia. Atua no Amazonas e nos estados da Amazônia Legal fomentando a economia criativa por meio de eventos públicos e privados, ocupação e revitalização de espaços. O músico, empresário, produtor e gestor cultural Ewerton Almeida assume a mediação do debate.

No 6º e último eixo, “Direito às Artes e Linguagens Digitais”, a produtora cultural, assessora de eventos e pós-graduanda em gestão estratégica de marketing Lydia Lucia atuará como palestrante. Para a mediação, o professor, autor, diretor e dramaturgo Jorge Bandeira, que exerceu a função de conselheiro municipal de cultura na cadeira de Teatro.

Para o secretário executivo da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Amazonas, KK Bonates, a capacitação de cada palestrante e mediador escolhido serão fundamentais para enriquecer os debates e reflexões. “O nosso objetivo é proporcionar uma experiência única e enriquecedora para todos os participantes. Cada palestrante foi escolhido não apenas por suas realizações notáveis, mas também pela capacidade de inspirar e instigar reflexões profundas sobre os desafios e oportunidades que nossa cultura enfrenta”, disse.

Sobre o evento

A 3ª Conferência Estadual de Cultura é promovida pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria de Cultura e Economia Criativa, com o apoio do Conselho Estadual de Cultura, Universidade Estadual do Amazonas (UEA), Amazonastur, Ministério da Cultura e Governo Federal.

img-20240116-wa0008

Secretaria de Cultura e Economia Criativa (Marcely Gomes) e Amazonastur (Divulgação)

O encontro reunirá a classe artística, fazedores de cultura, sociedade civil e mais de 150 delegados eleitos e homologados no interior do estado e na capital. As inscrições seguem abertas no Portal da Cultura (cultura.am.gov.br), onde também está disponível a programação completa do encontro.

A programação se estenderá de 21 a 23 de janeiro, das 9h às 18h, restrita aos grupos de trabalho, para elaboração de propostas que irão compor o Plano Estadual de Cultura. Após as 18h, atrações musicais e artísticas sobem ao palco, todos os dias, com entrada gratuita. O evento também contará com espaço kids e gastronômico.

Você também pode gostar...

Os comentários são de inteira responsabilidade do autor e não expressam a opinião do Portal Mazé Mourão. Você pode ser denunciado caso comente algo racista, injúria ou conteúdo difamatório.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

um × três =