Manaus,
×
Manaus,

Cultura

Casa das Artes inaugura programação de exposições de 2024

O espaço recebe cinco exposições com diferentes conceitos e propostas artísticas


O Espaço Casa das Artes, localizado na Rua José Clemente, 564, no Centro de Manaus, deu início à programação de exposições em 2024. Serão apresentadas cinco propostas artísticas que incluem as linguagens de pintura, colagem, desenho, graffiti e fotografia. Todas as exposições são gratuitas e estarão abertas ao público de 15h às 20h, a partir deste sábado (2), até o fim do mês de maio.

cultura_exposicao_casa_das_artes_samantha_karlia_divulgacao

Divulgação / Secretaria de Cultura e Economia Criativa

A artista Polly D’Avila ocupa a sala 1 da Casa das Artes com a exposição “Infinitas“, que reflete uma fase introspectiva da artista, retratando as emoções e o autoconhecimento vivenciados por ela nos últimos dois anos em pinturas e colagens.

A segunda sala abriga a exposição “Raízes tabulares, um grito pela vida” de Samantha Karlia e Chiquinho D’Almeida. Os professores de artes visuais, nesta proposta, retratam os povos originários diante do desmatamento e as consequências diretas dessas ações em toda a região amazônica por meio de pinturas digitais.

Na sala 3, a Exposição Coletiva Rosa Graffiti traz obras em pequenos formatos que expõem os sentimentos, as visões e o imaginário das autoras em telas por meio do graffiti. O grupo é composto por 24 artistas mulheres, visando celebrar e valorizar a figura feminina dentro da arte urbana.

Divulgação / Secretaria de Cultura e Economia Criativa

Na sala 4, quarenta fotografias do fotógrafo Michael Dantas compõem a mostra “Secura”. A obra traz registros da estiagem intensa que atingiu a região amazônica no ano de 2023, em um olhar atento e sensível do profissional.

Finalizando a série de exposições, os trabalhos da Coleção S.A.U.D.A.D.E, composta de quatro telas, ocupam o Espaço Corredor.

Para o diretor do espaço cultural, Cristóvão Coutinho, a reunião destas 5 exposições remete à inclusão e à diversidade. “A Casa das Artes, neste período, celebra com 29 artistas numa inserção plural, sendo 27 mulheres participantes, em aproximação com o público e seus pensamentos em arte. Ações como esta são muito importantes para a sociedade como um todo”, ressaltou Coutinho.

Você também pode gostar...

Os comentários são de inteira responsabilidade do autor e não expressam a opinião do Portal Mazé Mourão. Você pode ser denunciado caso comente algo racista, injúria ou conteúdo difamatório.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

10 + 10 =