Manaus, 4 de julho de 2022
×
Manaus, 4 de julho de 2022

Geral

Novo ano, novas tendências

A especialista Mylena Bonfim destaca quais as novidades para 2020 na decoração e na arquitetura para os mais diversos ambientes


O ano de 2020 começou e com ele uma série de tendências chegam ao mercado da moda, da gastronomia e também no universo da decoração e da arquitetura. Segundo a arquiteta Mylena Bonfim, essas tendências, geralmente, são desenvolvidas a partir de agências especializadas em consumo e em movimentos da sociedade.

“Eles indicam, no final do ano anterior e no início do ano seguinte, tudo aquilo que irá reger os meses posteriores até que esse ciclo se complete. Outro indicador forte, são as feiras nacionais e internacionais que acontecem nesse período e que se transformam em um reflexo das pesquisas de diversas fábricas que atuam no ramo”, explica ela.

Mylena destaca que independentemente do ambiente, entre as tendências gerais para 2020 estão: a monocromia nas cozinhas (utilização de uma cor e seus diversos tons), tom sobre tom (o famoso ‘ton sur ton’, em francês) em uma paleta mais “tranquila” e o geometrismo gráfico em paredes.

“O geometrismo também pode ser amplamente aplicado em revestimentos e acessórios. A integração de espaços, a assimetria e a sustentabilidade, por meio da reutilização de produtos com um novo ‘shape’, também estão entre as tendências para a decoração em 2020”, detalha.

No que diz respeito a sustentabilidade, a arquiteta ressalta que a integração com a natureza e o seu uso estão entre os temas amplamente abordados em feiras internacionais há anos e permanecem em destaque. “Elas refletem os anseios de uma sociedade muito mais consciente. O não ao descartável, o não ao que polui e o não ao excesso fazem parte das diretrizes para este ano”.

Entre as cores que estarão sendo fortemente usadas, Mylena destaca a classic azul, lançada ainda no final de 2019 pela Pantone. “Mas o verde, que busca a natureza, também está em alta. O bege e suas variantes não saem de moda, assim como cinza também permanece nas paredes, podendo ser utilizado em diversos espaços”.

Outro ponto importante abordado pela profissional é com relação aos projetos desenvolvidos. “Acho que em 2020 não dá mais para trabalharmos com desperdícios e projetos que sejam equivocados em relação ao que o cliente quer e necessita. Costumo dizer também que tendência é uma ‘inclinação’ para algo, e não necessariamente a decoração estará errada caso o cliente não opte por algo. É somente a espinha dorsal de orientação”, finaliza.

Você também pode gostar...

Os comentários são de inteira responsabilidade do autor e não expressam a opinião do Portal Mazé Mourão. Você pode ser denunciado caso comente algo racista, injúria ou conteúdo difamatório.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*

code