Manaus,
×
Manaus,

Brasil e Mundo

Lira adia votação do PL Antiaborto

A decisão ocorreu após um acordo na reunião de líderes partidários e de bancadas


O presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), informou nesta terça-feira (18) que a votação do projeto de lei 1.904/24, que equipara o aborto acima de 22 semanas ao crime de homicídio, ficará para o segundo semestre. A decisão ocorreu após um acordo na reunião de líderes partidários e de bancadas.

img20240618200258986med-660x372

Foto: Marina Ramos/Câmara dos Deputados

A proposta já estava pronta para ser pautada na Ordem do Dia do plenário da Câmara, após ter sido aprovado o requerimento de urgência ao projeto na última quarta-feira (12). No entanto, a repercussão negativa e mentirosa da esquerda contra o projeto gerou um grande embate para barrar a votação.

Diante das polêmicas sobre o projeto, Lira defendeu o adiamento para garantir o amplo debate sobre a questão do aborto. Ele reforçou que todos os assuntos votados na Câmara foram bastante discutidos e não deveria ser diferente com esse projeto.

“Nesse caso, é eminente que a discussão do PL 1904 ocorra ainda mais ostensiva e mais clara. Vamos debater esse tema de maneira ampla no segundo semestre com uma formação de uma comissão representativa – porque dessa forma as perguntas não terão como fluir”, disse.

O presidente da Câmara ainda reafirmou que o projeto “não irá retroagir nos direitos já garantidos e nada irá avançar que traga qualquer dano às mulheres”.

“O tema será tratado no segundo semestre. Todas as forças políticas e sociais participarão desse debate sem pressa ou qualquer tipo de açodamento”, declarou.

Você também pode gostar...

Os comentários são de inteira responsabilidade do autor e não expressam a opinião do Portal Mazé Mourão. Você pode ser denunciado caso comente algo racista, injúria ou conteúdo difamatório.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

três × 3 =