Manaus,
×
Manaus,

Amazonas

Júri Simulado: alunos do ensino médio marcam presença na 20ª edição

Até o fim da programação, 150 estudantes da rede pública do Estado marcarão presença no auditório Carlos Alberto Bandeira de Araújo


Além dos acadêmicos de direito se dividindo entre defesa e acusação ao longo de cinco dias, a 20ª edição do Júri Simulado do Ministério Público do Estado do Amazonas (MPAM) também respira jovialidade na plateia. O motivo é a presença de 150 alunos do Ensino Médio da rede pública do Estado, como parte do projeto MP nas Escolas.

img-20240604-wa0035

Foto: Hirailton Gomes

Cada instituição tem trazido 30 estudantes para o evento, sediado no auditório Carlos Alberto Bandeira de Araújo. Alunos do Centro Educacional de Tempo Integral (CETI) Áurea Pinheiro Braga e do Colégio Brasileiro Pedro Silvestre já prestigiaram a competição, organizada pelo Centro de Estudos e Aperfeiçoamento Funcional (Ceaf). As próximas participações serão do Instituto de Educação do Amazonas (IEA), nesta quarta-feira (05/06); do Colégio Militar da Polícia Militar (CMPM) VIII – Escola Estadual Coronel Pedro Câmara, nesta quinta (6); e do Colégio Amazonense Dom Pedro II, na sexta-feira (7), último dia de Júri.

“Já é bem gratificante contarmos com a participação de jovens acadêmicos de olho na preparação para suas futuras carreiras, mas receber adolescentes, ainda no Ensino Médio, ávidos por conhecimento e curiosos pela rotina que encaramos todos os dias, é empolgante na mesma medida. Quem sabe não estamos conquistando futuros colegas da área jurídica?”, indagou o promotor de Justiça João Gaspar Rodrigues, chefe do Ceaf.

O projeto “MP nas Escolas”, que tem apoio irrestrito do procurador-geral do MPAM, Alberto Rodrigues, tem como objetivos principais: conhecer escolas, estudantes, professores e gestores, seus desafios e anseios; aproximar o MPAM desse público, inspirando jovens a serem futuros promotores e promotoras de Justiça; criar e manter um canal de diálogo.

Sobre o Júri Simulado 2024

Neste ano, participam do Júri Simulado do MPAM estudantes de Direito de dez instituições de Ensino Superior: Universidade Federal do Amazonas (Ufam), Universidade do Estado do Amazonas (UEA), Universidade Paulista (Unip), Universidade Nilton Lins, Escola Superior Batista do Amazonas (Esbam), Instituto Amazônico de Ensino Superior (Iames), Centro Universitário do Norte (UniNorte), Centro Universitário Fametro, Faculdade Santa Teresa e Faculdade La Salle. Cada equipe conta com seis acadêmicos, sendo três titulares e três suplentes, totalizando 60 competidores. Ao final dos cinco dias de programação, os três melhores times serão contemplados com medalhas, troféus e premiação em dinheiro, com valores entre R$ 1,4 mil e R$ 3 mil.

Embates

Na manhã desta terça-feira (4), a equipe da Faculdade Santa Teresa venceu a da Fametro e se tornou a primeira classificada para as semifinais. No primeiro dia, segunda (3), os times da UEA e da Faculdade La Salle passaram pelos da Universidade Nilton Lins e da Esbam, respectivamente.

Você também pode gostar...

Os comentários são de inteira responsabilidade do autor e não expressam a opinião do Portal Mazé Mourão. Você pode ser denunciado caso comente algo racista, injúria ou conteúdo difamatório.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

20 − doze =