Manaus,
×
Manaus,

Amazonas

Beruri adere ao Programa Cidade Empreendedora

Programa prevê mais de 60 ações a serem executadas até o fim do ano no município


Atuar no desenvolvimento socioeconômico do município, buscando a melhoria da qualidade de vida da população, gerando emprego e renda, através de mais de 60 atividades, assim a Prefeitura de Beruri, em parceria com o Sebrae Amazonas, aderiu oficialmente ao Programa Cidade Empreendedora. A solenidade aconteceu na última terça-feira (14), na Escola Municipal Antônio Marques Feitosa, localizada na rua Vicente Gomes, 49.

img-20240519-wa0019

Fotos: Fernando Crispim

Contando com 20.718 habitantes (Censo 2022), Beruri possui 2,4 mil pequenos negócios, de acordo com dados do DataSebrae (março, 2023). Com o Cidade Empreendedora, a expectativa é que ocorra uma transformação no ambiente de negócios e desenvolvimento social e econômico no território.

O programa é executado em eixos estratégicos que preparam o município para transformações locais a fim de acelerar o desenvolvimento social e econômico, atuando em ações para aprimorar a gestão pública, capacitar a população gratuitamente, fortalecer os pequenos negócios e incentivar o surgimento de novos empreendimentos.

Através da cultura do empreendedorismo, seja na zona rural ou urbana, de negócios comerciais ou que fomentem a arte e cultura, o Cidade Empreendedora gera expectativa na vida dos empreendedores locais. Como é o caso do escultor Almir Pires de Almeida, 55 anos, que entalha madeira há mais de 25 anos. Vindo de uma família de artesãos, Almir retrata principalmente a flora e a fauna amazônica.

Para o empreendedor, a chegada do Cidade Empreendedora marca um momento importante para os empreendedores do município. “O Sebrae, na vida de um artesão e na vida de empreendedor, representa uma evolução, o Sebrae está sempre à frente de tudo, da inovação e do empreendedorismo”, conta o artesão.

A técnica de enfermagem, que iniciou a sua jornada empreendedora vendendo perfumes, Helen Ayres Duarte, 31 anos, agora é dona de dois pontos comerciais. Ela conta que o Sebrae foi fundamental para a abertura e gerenciamento de sua empresa, que já atua há 3 anos no ramo farmacêutico. Para Helen, o programa vai melhorar o fluxo de vendas e impactar na economia local e na vida de quem mora no município. “Para nós, a expectativa é que tudo vai melhorar, tanto para os clientes quanto para nós empreendedores. Então isso é um sonho realizado que nós vamos progredir e crescer cada vez mais”.

Com um escopo de trabalho que prevê mais de 60 atividades entre consultorias e capacitações, a Prefeita de Beruri, Maria Lucir Santos Oliveira, acredita que a parceria entre a Prefeitura e o Sebrae vai colocar o município em um novo patamar, apontando sempre para um futuro melhor. “É uma parceria muito boa que estamos fazendo também com o empreendedor, junto com o Sebrae, vamos trazer muito rendimentos e assim fazer com que a economia cresça e gire dentro do nosso município”, afirma a prefeita.

img-20240519-wa0017

Fotos: Fernando Crispim

Para o analista técnico do Sebrae-AM, Robson Gadelha, o Cidade Empreendedora será um marco para o território, que levará mais oportunidade para os empreendedores e crescimento para o município. “Nós temos um setor primário aqui riquíssimo e os empreendedores do município estão muito interessados em buscar conhecimento. Então, a Prefeitura de Beruri está agora parceirizando com o Sebrae o Programa Cidade Empreendedora, buscando trazer esse desenvolvimento para o município”, explica o analista.

O plano de ação do programa em Beruri inclui cursos de corte, escova e colorimetria de cabelo, tranças e penteados, enfermagem em atendimento à pessoa idosa, a implantação do Serviço de Inspeção Municipal, manicure e pedicure, alongamento de unhas em gel, segurança alimentar, pintura em tecido, bordados, artesanato em EV, mecânica básica para moto e carro, confeitaria, redação oficial, oratória, fotografia, design gráfico, práticas administrativas em escritório, gestão e liderança, informática básica, curso de formação continuada para professores de classes multisseriadas do campo e indígenas, robótica educacional com oficinas para os alunos, entre outros.

Integrado com as especificidades de cada região, o Cidade Empreendedora no Amazonas, em 2023, atuou em 11 municípios, impactando diretamente 6 mil empreendedores, o programa tem atuado em pelo menos um município ao longo das calhas dos rios, como Alto Rio Negro, Juruá, Alto Solimões, Solimões e Médio Amazonas. Agora, em 2024, está programado para expandir sua atuação para mais de 10 localidades.

img-20240519-wa0018

Fotos: Fernando Crispim

Você também pode gostar...

Os comentários são de inteira responsabilidade do autor e não expressam a opinião do Portal Mazé Mourão. Você pode ser denunciado caso comente algo racista, injúria ou conteúdo difamatório.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

cinco × quatro =