Manaus,
×
Manaus,

Amazonas

Amazonas participa da maior feira de pesca esportiva da América Latina

Após ser destaque em 2023, a equipe da Amazonastur está na 16ª edição da Pesca & Companhia Trade Show, em São Paulo


O Governo do Amazonas, por meio da Empresa Estadual de Turismo do Amazonas (Amazonastur), marca presença na maior feira de pesca do país, a 16ª Pesca & Companhia Trade Show, e no 2° Fórum Nacional de Turismo de Pesca, realizado desde quinta-feira (21) até este sábado (23), em São Paulo. Com estande de destaque no evento, a Amazonastur promoveu iniciativas para discutir e fomentar o turismo de pesca no Amazonas.

screenshot_20240323-1812252

Lucas Silva/Amazonastur

A equipe técnica da Amazonastur, composta por membros das diretorias de Desenvolvimento e Turismo, e de Marketing da empresa, participou ativamente do evento, reforçando o compromisso do estado em consolidar-se como um dos principais destinos de pesca esportiva do Brasil e do mundo. Esse mercado turístico movimenta aproximadamente R$ 199,6 milhões por temporada no Amazonas.

O presidente da Amazonastur, Ian Ribeiro, destacou a importância da participação do estado na feira, ressaltando a satisfação em retornar ao Pesca Trade Show.

“O governo do Amazonas trouxe mais de 20 operadores que vendem a pesca esportiva em nosso estado, que já é um segmento tão consolidado. E a busca pelo destino aqui em nosso estande está cada vez maior, o que demonstra como os pescadores querem conhecer e viver a experiência Amazonas”, salientou o presidente.

No decorrer do primeiro dia da feira, cerca de 150 pessoas visitaram o estande de promoção do Amazonas, buscando brindes e informações sobre o destino. Um dos destaques foi a procura pelos pacotes de viagem em família para o Amazonas.

Pesca no Amazonas

Durante o Fórum Nacional de Turismo de Pesca, o presidente da Amazonastur também salientou a importância da Lei Nº 6.647, que estabelece normas, procedimentos e incentivos para as atividades de pesca amadora do tucunaré. A legislação visa incentivar o turismo sustentável e impulsionar a economia local, estabelecendo o zoneamento de áreas para a prática de pesca e o período de defeso da espécie.

Além dos nove recordes mundiais de comprimento e peso reconhecidos pela International Game Fish Association (IGFA Records), o Amazonas ainda detém o recorde de peso de 13,19 quilos na categoria “ataque total” (all-trackle) em Santa Izabel do Rio Negro (a 630 quilômetros de Manaus). O maior tucunaré já pescado em águas do Amazonas mede 94 centímetros, capturado no Rio Maria, no Amazonas.

O Secretário de Pesca do Ministério, Expedito Netto, reforçou o crescimento da pesca esportiva no Brasil, especialmente na região do Amazonas. “O Amazonas é reconhecido como um dos melhores locais de pesca esportiva no Brasil e no mundo. E eu não tenho dúvidas que ela irá acompanhar esse crescimento que está acontecendo no Brasil inteiro”, disse o secretário, em declaração que reflete o otimismo e o crescimento do setor no país.

A feira

A Pesca & Companhia Trade Show oferece uma oportunidade única para promover o Amazonas e atrair investimentos para o setor. Com a presença de fabricantes, importadores, operadores de turismo e órgãos governamentais, a feira proporciona um espaço para networking e negócios, tanto a nível nacional quanto internacional, bem como outros players no chamado B2B.

O apresentador da FishTv e pescador profissional, Nelson Nakamura, ressaltou o potencial do Amazonas como um cenário de crescimento exponencial para a prática do esporte, capaz de atrair turistas de diversas regiões. “O Amazonas é o maior celeiro mundial da pesca esportiva. O estado tem um potencial gigante não só para atrair os brasileiros, mas também para o turismo internacional”, disse o esportista.

Você também pode gostar...

Os comentários são de inteira responsabilidade do autor e não expressam a opinião do Portal Mazé Mourão. Você pode ser denunciado caso comente algo racista, injúria ou conteúdo difamatório.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

1 − 1 =