Manaus, 2 de julho de 2022
×
Manaus, 2 de julho de 2022

Geral

Triciclo parintinense um veículo sustentável


Em 1995, o detetive e mecânico de bicicletas, Valdenor Queiroz, 73, não imaginava que a sua “engenhoca”, o triciclo, virasse o principal meio de mobilidade do visitante na Ilha Tupinambarana (a 369 quilômetros de Manaus). Queiroz é um dos pioneiros na criação do veículo sustentável, que é o segundo item mais bem avaliado na pesquisa de satisfação realizada com os turistas que vão assistir aos espetáculos do Festival Folclórico de Parintins.

“Eu não ganhei dinheiro, mas estou feliz porque beneficiei mais de 10 mil pessoas em Parintins, no sustento de cada dia deles. Agora, qualquer oficina produz o triciclo. Eu não me importei em passar as medidas. Para mim, é uma glória poder ter ajudado esse povo maravilhoso da minha terra”, disse Valdenor.

Este ano, a Amazonastur promoveu duas etapas do Workshop Bem Receber, capacitando 200 tricicleiros e ainda padronizando os profissionais com fardamento e pintura dos veículos em acordo com o festival, além de uma placa de “Tricicleiro Pai D’Égua”.

Tricicleiro há 20 anos, Josevandro Guimarães, 39, disse que o curso deu base para a categoria bem receber o turista em Parintins. “A gente prende a trabalhar com o turismo”, declarou o profissional. “Aprendemos como chegar junto ao turista, a informar sobre os atrativos”.

Na próxima quinta-feira (26/06), será entregue o fardamento aos tricicleiros beneficiados no workshop. Aproximadamente mil condutores de triciclo atuam nas ruas de Parintins, sendo 400 associados e cooperados em entidades representativas.

 

Você também pode gostar...

Os comentários são de inteira responsabilidade do autor e não expressam a opinião do Portal Mazé Mourão. Você pode ser denunciado caso comente algo racista, injúria ou conteúdo difamatório.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*

code